terça-feira, 10 de janeiro de 2012

Ano Novo, Evento Novo

Por Gabriel Guimarães


Mais um ano se inicia e o mundo dos quadrinhos logo dá sinal de atividade. Após um breve período de recesso, durante o qual foram organizados certos esforços para trazer novidades para o blog muito em breve, estamos de volta à atividade, e não poderia ser mais animado do que comentando sobre o primeiro dia do evento "Super-Heróis X Anti-Heróis - Dos Quadrinhos às Telas", realizado na sede da Caixa Cultural, no centro da cidade do Rio de Janeiro. Organizado em torno da exibição de dezenas de filmes adaptados dos quadrinhos para a grande tela dos cinemas ao longo dessas próximas duas semana a contar de hoje, o evento reuniu um bom público, que ainda deve crescer conforme o evento for sendo mais conhecido.

Contando com uma divulgação cuidadosa, utilizando de propagandas nos pontos de ônibus e mesmo em exibição nos veículos destes que possuírem monitor para os passageiros, o evento ocorre em um local de acesso extremamente fácil, próximo ao metrô da Carioca, e conta com a presença de alguns dos conhecidos colegas na arte de admirar quadrinhos, como o estudioso Carlos Patati e o colecionador de revistas e histórias, Carlos Alberto Arafatt, que prestou em sua mesa de exposição uma homenagem ao falecido Humberto de Oliveira, antigo parceiro na loja de quadrinhos Gibimania. Apresentando na sua estreia os episódios da clássica série do Superman de 1948, o evento deu início às amostras com grande estilo. Tendo ocorrido também a inauguração da oficina sobre a relação entre cinema e quadrinhos, ministrada pelo próprio Patati, o auditório esteve bastante lotado.

Apesar do início um tanto inesperado devido a um súbito problema de saúde rapidamente remediado, Patati apresentou um grande e detalhado panorama do surgimento do gênero aventura nos quadrinhos de jornais, e o quanto essa narrativa começava a aproximar a mídia da nona arte com o cinema. Citando grandes nomes dos quadrinhos como Chester Gould, Milton Caniff, Chris Claremont e Will Eisner, o público teve um vislumbre de alguns dos responsáveis por erguer os pilares da arte sequencial americana, que influenciou, invariavelmente, o mundo todo. Com referências ao estilo dos quadrinhos de aventura, onde os personagens eram desenhados de forma simplificada para reforçar a identificação por parte dos leitores, com cenários extremamente detalhados para retratar a realidade ao redor dos personagens, foi apontada as influências desses elementos nos mangás e nos quadrinhos europeus, como Tintin e Corto Maltese.

Nas palavras do próprio palestrante, "os quadrinhos e o cinema não são gêneros, são mídias." A partir disso, foi-se destacado a diversidade de temáticas possíveis para serem abordadas em ambas e, dessa forma, reforçados os vínculos existentes entre os estilos artísticos de retratar a vida que são a essência do evento. Os detalhes históricos apontados também enriqueceram a apresentação, além de permitir ao público compreender até mesmo alguns costumes habituais de determinados artistas das editoras pioneiras americanas.

O dia foi um exemplo de camaradagem e cordialidade entre os presentes, e tirando talvez uma pouco merecida primeira impressão errada de parte do público sobre o excelente pesquisador que é o carioca Carlos Patati, o evento se mostrou mais um passo na direção de maior aceitação dos quadrinhos como forma de arte. Nos próximos dias, com certeza, haverá muito mais pelo que celebrar. A programação completa do evento pode ser conferida no site da equipe da agência Domínio Público, que está organizando tudo.

5 comentários:

Dani disse...

Ai Gabo! Quando li anunciando sobre o evento, já imaginei que ia ser mega bacana! Não fui, mas acompanho por aqui!!! Legal! ;)

João Ferreira disse...

Olá, meu colega de aulas neste curso! hehehe Como prometido, aqui estou. Achei super-legal seu blog. E especialmente muito bem escrito. Vou divulgá-lo entre meus amigos que curtem HQ's e meus alunos também. Aproveito e deixo aqui o link pro meu blo também, mas este é sobre ciências e biologia. Vou tentar acompanhar suas postagens e ler as anteriores pouco a pouco. Um grande abraço!

luiz_modesto disse...

Não compareci ao curso ou à palestra e , portanto, não posso julgá-lo. Porém, estava interessado em assistir aos filmes exibidos na mostra e acredito que neste aspecto "pisaram na bola". Não é permitido comprar o ingresso para a sessão desejada em dias anteriores à exibição. Desta forma, os riscos de haver confusão em virtude de ingressos esgotados aumentam. A organização do evento deveria repensar a respeito.

GG disse...

Dani, espero que a nossa cobertura do evento possa saciar seu interesse por ele, mas ainda assim, fica reforçado aqui o conselho de conferir por você mesma. Tem sido tudo muito bem montado e os organizadores são bastante esforçados.

João, fico muito feliz que tenha gostado do blog, e agradeço muito sua divulgação dele. Quanto ao seu blog, acho que você acabou esquecendo de pôr o link. Não deixe de coloca-lo aqui, que certamente vamos conferí-lo.

Luiz,apesar desse pormenor, o evento tem estado bastante tranquilo, e acredito que se você conversar mais detalhadamente dessa situação com os organizadores mesmo do evento, não o pessoal do caixa ou o pessoal da recepção, eles podem tentar ajuda-lo de alguma forma.

eduardo cunha disse...

Parabéns pelo evento!!1 Obrigada Arafatt, pela homenagem ao meu tio, Humberto Dantas de Oliveira. Tenho certeza que ele continua entre nós, e se estivesse vivo, estaria participando do evento, com toda certeza!!! Abraço grande, Ana Carolina Dantas Moreira.